construção sustentável

Um projeto de arquitetura pode contemplar a ideia de construção sustentável. A sustentabilidade é um conceito voltado em combinar práticas para poupar recursos naturais, diminuir gastos e reaproveitar materiais, considerando a reutilização e a reciclagem, além do descarte correto de químicos e produtos orgânicos.

Sendo o ar-condicionado um componente importante na arquitetura de residências ou endereços comerciais, é cada vez mais comum a preocupação em relação à sustentabilidade e aparelhos de ar-condicionado, é imprescindível a utilização de equipamentos com alta taxa de economia e que utilizem gases refrigerantes sustentáveis para a climatização dos ambientes.

Neste artigo, separamos 5 dicas para combinar construção sustentável e ar-condicionado. Confira agora!

Escolhendo o aparelho

O aparelho de ar-condicionado tem papel fundamental neste objetivo. Um aparelho inverter é mais econômico do que um não-inverter e esta economia tende a aumentar, já que as pesquisas e inovações na área estão em pleno desenvolvimento. Os aparelhos de ar-condicionado estão disponíveis em diferentes formatos e possibilidades de instalação, como é o caso do multi split que permite a instalação de até 5 unidades internas com uma única unidade externa. 

Essa etapa também deve considerar o ambiente de instalação, com seu tamanho total, objetivo de utilização, temperatura desejada, etc.

Atenção à potência e limites

Além da escolha do modelo, é importante atentar-se à requisitos quanto a potência elétrica, limites da construção e também outros recursos de segurança disponíveis, considerando a corrente elétrica e as instalações hidráulicas necessárias.

Cada projeto tem suas especificidades, e por isso estes fatores são considerados ao criar um plano de climatização. Desrespeitar os limites existentes de uma construção pode provocar falhas na rede e em outros aparelhos. 

Usando a tecnologia

Soluções tecnológicas podem ser utilizadas para deixar o uso do ar-condicionado mais sustentável. Elementos como o timer, um temporizador para ligar e desligar o aparelho, além de medidores para a temperatura e um relatório dos gastos elétricos, ajudam na economia. O sistema também pode estar conectado à programação de uma central de gerenciamento, que concentra os controles e comandos em um smartphone ou tablet. Avisos também são emitidos para esses aparelhos, ajudando na prevenção e manutenção do sistema de resfriamento e ventilação.
OBS: A função de automação é limitada para determinadas linhas de produtos, verifique no site da Daikin as linhas disponíveis. 

Fazendo a manutenção preventiva

Para preservar um aparelho de ar-condicionado e estender as qualidades de uma nova instalação, é essencial contar com a manutenção preventiva. A manutenção de ar-condicionado funciona como uma checagem sobre todos os componentes e sistemas envolvidos, além de fazer uma limpeza a verificação e reaperto dos elementos que compõem o equipamento, o que deixa o funcionamento mais econômico, evitando gastos de materiais e eletricidade.

Se você quer colocar uma construção sustentável em prática, aproveite para conhecer a linha de aparelhos da Daikin, todos oferecidos com tecnologia de ponta.